Segunda-feira, 19 de Fevereiro de 2007

À Madeira?Sim já chegámos...

Nunca compreendi a razão porque nunca foi feito um teste de sanidade mental ao líder madeirense. Nota-se à légua que nada funciona bem naquele emaranhado de massa encefálica, mas, ao longo dos tempos, nenhum primeiro-ministro, Cavaco Silva inclusivé, teve a coragem de o chamar à razão, por razões óbvias; ninguém ousa desafiar um louco que capta  a simpatia das massas ainda por cima quando os votos servem o interesse nacional do PSD. José Sócrates teve esse mérito, reconheça-se; em período de vacas magras não faz sentido que autarcas e líderes regionais promovam festas de arromba, recorram à contratação arbitrária, esbanjem fundos em obras faraónicas e invistam na renovação do seu mandato fazendo coincidir o calendário eleitoral com o corte de fitas.
Alberto João Jardim demite-se porque não consegue cumprir o seu programa eleitoral após a aprovação da Lei das Finanças Regionais mas volta a ser candidato sem qualquer garantia, ou mesmo improbabilidade, de José Sócrates recuar nesta matéria. Seria patético e hilariante se custos não tivesse esta manobra política.
Para quando um manicómio onde coabitem em simultâneo Alberto João Jardim, Pinto da Costa, Valentim Loureiro e todos os espalha-brasas deste país?
publicado por libato às 21:09
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Não há isenção

. Tiro pela culatra

. Falta de transparência

. Palavras para quê?

. Alguém soprou para aqui a...

. Folgas camarárias

. É política

. Postos GNR

. Viva a mulher

. Arruaceiro no governo

.arquivos

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.Visitas

eXTReMe Tracker
blogs SAPO

.subscrever feeds